fbpx

Aquecedor a gás em condomínios: o que avaliar?

Aquecedor a Gás

Aquecedor a gás em condomínios: o que avaliar?

Saiba o que precisa ser avaliado antes da instalação de aquecedor a gás em condomínios!

Para fazer a instalação de aquecedor a gás em condomínios, é preciso avaliar algumas questões importantes para garantir o bom funcionamento do equipamento e a segurança dos moradores.

O que avaliar antes de instalar aquecedor a gás em condomínios?

Entre os pontos que devem ser avaliados, esses são os mais importantes:

  • Se o direcionamento de dutos está dentro do exigido pelas normas brasileiras;
  • Tipo de aquecedor, sistema mecânico ou digital;
  • Regras de condomínio, que podem proibir a colocação do sistema de exaustão;
  • Se o condomínio está preparado para receber o sistema com os equipamentos certos; 
  • Existência de sistemas individuais de cobrança de água e gás para evitar conflitos internos;
  • Capacidade do sistema, é importante dimensionar a necessidade de cada condomínio;
  • Custos de instalação e manutenção, pois o sistema precisa de manutenções preventivas anuais para garantir vida útil, bom funcionamento e segurança.

Quem faz essa avaliação antes da instalação?

Toda essa avaliação é feita pela própria empresa contratada para fazer a instalação do aquecedor a gás em condomínios. Além da avaliação, a instalação e manutenção dos aquecedores, só devem ser feitas por profissionais qualificados.

A manutenção do aquecedor a gás é obrigação do morador ou do condomínio?

A manutenção do aquecedor a gás em condomínios é obrigação do morador. O síndico tem um papel importante na segurança, mas o morador tem que arcar com suas responsabilidades. O ideal é sempre fazer a manutenção preventiva anual, ou antes de um ano a corretiva, sempre que for notado algum tipo de problema.

Esse tipo de obrigação precisa ser de conhecimento dos moradores para que possa ser autorizada em assembleia a possibilidade de vistoria individual em cada unidade.

Sendo assim, a instalação correta, a manutenção permanente e vistorias são fundamentais para manter a segurança de todos no condomínio!

Existe fiscalização dos bombeiros em condomínios com aquecedor a gás?

A fiscalização de aquecedor a gás em condomínios por parte dos bombeiros só é feita conforme solicitação do proprietário, responsável ou através de denúncias. O Corpo de Bombeiros não consegue por mera liberalidade fiscalizar tudo, no entanto sempre que houver denúncias, são obrigados a ir até o local.

Regulador de gás do aquecedor tem prazo de validade!

Poucos sabem que para o correto e seguro funcionamento do equipamento a gás, chamado “regulador de gás” tem prazo de validade de 5 anos, a contar da instalação e precisa estar dentro das especificações de instalação.

Quando o regulador, popularmente conhecido como “relógio de gás” está com o prazo de validade vencido, oferece além do risco físico à vida das pessoas, oferece o risco financeiro, por problemas de vazamento que implicam em aumento considerável do consumo de gás.

Portanto, todo regulador de aquecedor a gás em condomínios deve estar certificado com as normas do Inmetro e sua troca ou instalação sempre feitas por profissionais qualificados. Somente o técnico especializado fará a verificação de todos os itens importantes na instalação do aparelho, se a pressão do gás está correta ou identificar problemas no regulador antes que aconteça algum tipo de acidente sério.

Atenção!!

Ao alugar apartamento ou casa em condomínios que possuam aquecedor a gás é importante agendar uma revisão profissional do aparelho para evitar problemas futuros!

Entre em contato com a OpenClima e agende uma avaliação no seu condomínio!

Principais Tópicos

Tags :
aquecedor a gás,openclima,prédio
Share This :

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.